Chakra Básico – o Primeiro

Olá. Nessa nova série veremos o poder da aromaterapia para equilibrar cada chakra, ou ainda, intensificar ou amenizar sua fluência energética. E já começamos apresentando o chakra básico, e alguns óleos essenciais que podem restaurá-lo. 


A Aromaterapia é conhecida por buscar a harmonização do corpo e do espirito através dos óleos essenciais. E nesse processo podemos fazer um paralelo entre a Aromaterapia e os Chakras, que são os centros de energia presentes em nosso corpo.

Localizados em sete pontos distintos do cordão energético na coluna vertebral, os chakras atuam no alinhamento e distribuição da energia que circula em nosso sistema.

Cada chakra é responsável por processos específicos em nosso organismo, causando reações que podem ser físicas, emocionais ou vibracionais. Um chakra pode estar enfraquecido, com baixa circulação de energia. Ou, pelo contrário, com excesso energético, que também pode levar a patologias. Às vezes o chakra só precisa ser reequilibrado para que tudo fique bem.

Nessa nova série veremos como os óleos essenciais podem nos ajudar a equilibrar cada chakra, ou ainda, intensificar ou amenizar a fluência energética de cada um.


O Chakra Básico

Também chamado de Raiz, está na base da coluna vertebral. Ele se localiza no períneo, uma região entre os genitais e o ânus, e também é atingido nas laterais das nádegas.

Esse chakra representa a forma de agir na sobrevivência. Está associado com a relação que temos com o próprio corpo e com o mundo físico. É a porta de entrada de toda a energia física, mental e emocional que absorvemos da Terra.

  • Quando excessivamente energizado, o chakra básico traz à tona insegurança, tensão, raiva e violência. É necessário amenizar essa energia, para o bem da pessoa e de todos à sua volta. Para isso o óleo essencial de vetiver é poderoso. Ele é ansiolítico e tranquilizante, e traz a noção muito forte da realidade no seu entorno e de seu papel nesse núcleo em que está inserido.
  • Já quando a pessoa é paciente ao extremo, em que essa característica é forte ao ponto de atrapalhar suas relações com mundo, é provável que esse chacra esteja enfraquecido. Quando isso acontece temos a sensação de inatividade. É o famoso caso da pessoa com “sangue de barata”, que pouco reage aos acontecimentos. O óleo essencial de gengibre pode fazer muito bem o papel de ativar essa energia. Ele incentiva a sair da letargia, e ter disposição para correr atrás das mudanças que desejamos.
  • Há também aquelas situações em que percebemos que algo está errado com o chakra mas não sabemos exatamente o que é. Para esses casos o reequilíbrio é indicado e, no chakra básico, o óleo essencial de cedro facilita esse trabalho. É um óleo essencial que promove persistência e estabilidade emocional.

Confira abaixo o resuminho de toda essa historia:


Como aplicar os óleos essenciais para os chakras

Há algumas formas de tratar um chakra específico com aromaterapia.

Para fazer isso em outra pessoa, as formas mais comuns são a imposição de mãos, o Reiki. Também são indicadas as massagens no sentido horário sobre o ponto. No caso do chakra básico, faça a massagem nas laterais das nádegas. Para essas duas formas, utilize 10mL do óleo vegetal de sua preferência e 2 gotas do óleo essencial indicado para a ação necessária.

Uma outra forma de harmonizar o chakra é através da meditação. Coloque quatro gotas do óleo essencial indicado no difusor de ambiente e prepare o espaço para a sua prática, com uma música de fundo, iluminação indireta. Você pode seguir as afirmações de meditação sugeridas na imagem, ou simplesmente visualizar o chakra sendo reestabelecido e emanando sua cor característica.

Gostou da dica? Comenta aqui pra gente.

Clique aqui para ir ao próximo capítulo da série, sobre o chakra sexual.

 


Texto e imagens por Cristiane Corrêa, julho de 2019

 

16 comentários em “Chakra Básico – o Primeiro

  1. Amei sou estudante de Reiki e os óleos essenciais constituem uma importante ferramenta para minha vida e meus clientes. Obrigada por compartilhar esses ensinamentos.Gratidão

    1. Oi, Lala.
      Talvez esteja faltando um equilíbrio aí.
      Ou, a questão pode ser mais profunda, abarcar outros chákras… Vale continuar acompanhando a série, talvez a resposta esteja mais à frente.

  2. Amei essa série!
    Acho que deveriam lançar um curso somente sobre o estudo dos chakras , associando com meditações próprias para cada um deles. Oque acham?
    Eu faria com toda certeza.

  3. Maravilha! Sou terapeuta Reikiana e amo associar os óleos nos meus atendimentos! É muita coisa aprendi por aqui!
    Um abraço a toda equipe!

Deixe uma resposta